Termo entre Prefeitura e Governo do Estado, através do Detran, foi assinado na manhã do dia 18.

Ponta Grossa - Soluções tecnológicas na área de mobilidade urbana serão aplicadas primeiro no município, estimulando ecossistema de inovação e conhecimento.

Com a assinatura de um termo firmando parceria entre a Prefeitura de Ponta Grossa e o Governo do Estado, através do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), a cidade se torna ambiente para criação e aplicação de soluções tecnológicas para melhorar a mobilidade urbana, sendo a primeira a receber o programa Cidade Experimental no estado. Dessa forma, soluções tecnológicas na área de mobilidade urbana serão aplicadas pelo Detran primeiro em Ponta Grossa, estimulando o ecossistema de inovação e conhecimento
“O que estamos fazendo é a aproximação da tecnologia, da inovação, com a população. Nossa proposta é fortalecermos o Paraná como um estado inovador, moderno e com agilidade, e o programa Cidades Experimentais é exatamente isso. Ponta Grosa é o nosso pontapé inicial, que vai servir de exemplo para outras cidades. Com certeza esse projeto será estímulo para a criação de grandes projetos inovadores que poderão beneficiar não só Ponta Grossa, mas o estado, o país e, quem sabe, gente no mundo inteiro”, destaca o governador em exercício, Darci Piana.
O Programa Cidades Experimentais consiste em aplicar em ambiente real, soluções tecnológicas de mobilidade urbana para as cidades inteligentes do futuro, com a proposta de construir uma Rede Estadual de Cidades Experimentais, permitindo melhoria nos serviços públicos e ampliação no acesso para um número cada vez maior de pessoas, através das inovações tecnológicas.
“Todas as inovações do Detran estarem à disposição dos ponta-grossenses em primeira mão, vai mudar a vida dos nossos munícipes e trazer modernidade para a cidade. A mobilidade urbana é uma das áreas que nos preocupa enquanto gestão pelo crescimento da cidade, número de veículos e urbanismo mais antigo, tornando um desafio pensar em soluções. Ter o Governo do Estado realizando esse investimento para modernizar a cidade, vai transformar Ponta Grosa realmente no polo de inovação do Estado”, avalia o prefeito, Marcelo Rangel.
Com a proposta, Ponta Grossa já está habilitada para receber projetos inovadores na área, como engenharia de tráfego inteligente, educação para o trânsito, segurança no trânsito e fiscalização inteligente. “Já estamos analisando a criação de mapas de trânsito, para que a gente possa atuar preventivamente, projetos como a criação de radares de advertência, semáforos inteligentes e a criação de vias responsivas, em que as pessoas recebem informações do trânsito a partir de sinais emitidos automaticamente pela própria via. Temos certeza de que virão projetos que nós sequer imaginamos, porque as startups têm a inovação em seu DNA, mas sempre com o intuito de melhorar os serviços que o Detran e a Prefeitura oferecem ao cidadão”, detalha a diretora de Tecnologia e Desenvolvimento do Detran, Jaqueline Almeida.
Cidade do Conhecimento e Inovação
Tornar Ponta Grossa a primeira Cidade Experimental do estado vem ao encontro da criação da Cidade do Conhecimento e Inovação proposta desenvolvida pela Universidade Federal Tecnológica do Paraná (UTFPR), Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Instituto Federal do Paraná (IFPR), Prefeitura de Ponta Grossa (PMPG) e Sebrae. Na última semana, uma reunião constituiu grupo de trabalho (GT) responsável por formatar a estruturação da proposta, além de pactuar a criação do Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT), que funcionará como um grupo gestor responsável pela administração da Cidade do Conhecimento e Inovação.
“Estamos trabalhando em prol de uma cidade inteligente. Para isso, é preciso que o cidadão esteja no centro do desenvolvimento. As tecnologias de informação e comunicação devem ser incorporadas na gestão pública como ferramentas de desenvolvimento, propiciando a construção coletiva. O projeto Cidades Experimentais, aliado à Cidade do Conhecimento e Inovação, coloca Ponta Grossa neste status, transformando a cidade em um polo para a criação de soluções”, aponta a coordenadora de Fomento ao Empreendedorismo e Inovação, da Secretaria da Fazenda, Tonia Mansani.

Presenças
O termo entre Prefeitura e Detran foi assinado na manhã do dia 18, em solenidade no Conservatório Maestro Paulino. Além do governador em exercício, Darci Piana, o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, e a diretora de Tecnologia e Desenvolvimento do Detran, Jaqueline Almeida, também estiveram presentes o chefe da Casa Civil, Guto Silva; a vice-prefeita, Elizabeth Schmidt; o secretário da Fazenda, Cláudio Grokoviski; os deputados estaduais Hussein Bakri e Paulo Litro; servidores do Detran – PR e outra autoridades.

 

....................................
Fonte:
Prefeitura de Ponta Grossa
Assessoria de Imprensa
Texto: Mariana Galvão Noronha